Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • leia nossa edição impressa
    Feira de Santana, terça, 31 de maio de 2016
Política Compartilhar
Maurício Carvalho explica, mas não convence vereadores sobre Lagoa do Subaé

Maurício Carvalho explica, mas não convence vereadores sobre Lagoa do Subaé

Secretário garante que o Ministério Público e Inema acompanham o caso

Segurança Compartilhar
Colisão entre carro e caminhão na BR-324 deixa 5 mortos

Colisão entre carro e caminhão na BR-324 deixa 5 mortos

Geral Compartilhar

Justiça manda rodoviários manterem 60% da frota em caso de greve

A pedido das empresas Rosa e São João

Brasil Compartilhar
Governador do Rio defende pena de morte para estupradores

Governador do Rio defende pena de morte para estupradores

Ele quer "a punição mais violenta possível" no caso da menor que sofreu estupro coletivo

Colunistas

História

26 de setembro de 2008

Criada comissão para elaborar plano de ações de prevenção ambiental

O prefeito José Ronaldo de Carvalho criou através do decreto nº 7.594, de 23 de setembro, uma comissão para elaborar um Plano de Ações Administrativas de natureza ambiental, urbanística e social, a serem desenvolvidas nas lagoas do município de Feira de Santana.

O objetivo é desenvolver ações de defesa e prevenção ambiental, humanização e melhoria da qualidade de vida da população feirense, de intervenção de saneamento básico e da melhoria da estrutura física da cidade.

A comissão, que tem prazo de 60 dias para apresentação do Plano de Ações Administrativas, já manteve várias reuniões para a sua elaboração.

Ficou definido que a primeira a ser trabalhada é a Lagoa Salgada, que faz parte da bacia do Subaé. Será feita requalificação da lagoa, com proposta de urbanização.

Conforme Lucílio Flores, coordenador das ações ambientais, a comissão fará a primeira ação em
foco na próxima quarta-feira, quando será realizado levantamento planoaltimétrico em curva de nível e cadastral.

Ou seja: “Vamos identificar tudo que existe na lagoa e seu entorno. Será criado um mapa para este georreferenciamento da lagoa. Na quarta-feira vamos começar o trabalho de campo para complementar o projeto", informou.

Segundo Lucílio Flores, é recomendação do secretário de Meio Ambiente e Recursos Naturais, Antônio Carlos Daltro Coelho, que se dê prioridade a esse projeto, obviamente que sem prejuízo para as demais ações da secretaria. "Ele tem interesse de avançar nesse projeto, para que ainda este ano, se tenha alguma coisa concreta", conclui.

A comissão é formada por representantes das secretarias de Planejamento, Meio Ambiente e Recursos Naturais, Desenvolvimento Urbano e de Habitação e Regularização Fundiária. A presidência da comissão está a cargo do diretor do departamento de Planejamento Urbano e Ambiental, da secretaria de Planejamento, Everaldo Marques de Cerqueira.

Também integra a comissão uma equipe técnica constituída por engenheiro agrimensor, geólogo, fotógrafo, digitador, motorista e estagiários.