Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, segunda, 24 de setembro de 2018

Geral

Petrobras: acordo põe fim a greve de terceirizados

23 de janeiro de 2015 | 11h 10
Petrobras: acordo põe fim a greve de terceirizados
Um acordo celebrado pelo Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT5) coloca fim às paralisações realizadas pelos empregados terceirizados nos serviços de manutenção, caldeiraria e solda da Petrobras. Após uma mesa de negociações presidida pelo presidente do TRT5, desembargador Valtércio de Oliveira, a empresa Estrutural Serviços Industriais vai abonar a paralisação ocorrida no dia 9 de janeiro feita por seus 300 empregados. Em contrapartida, o sindicato assumiu o compromisso  de tratar prévia e pontualmente os problemas que porventura venham a existir entre os trabalhadores e as empresas.
 
Além disso, caso a paralisação se dê por iniciativa dos trabalhadores sem prévio conhecimento do sindicato, este se compromete a, de imediato, fazer a mediação do conflito entre as partes com vista a solucionar o impasse com a maior brevidade possível.
 
A Estrutural entrou com ação alegando que foi irremediavelmente prejudicada pelo movimento grevista deflagrado de modo abusivo pelo Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Construção Civil, Montagem e Manutenção Industrial (Siticcan). A reclamante alegou que os empregados foram impedidos de acessar a refinaria e, assim, exercer suas atividades. Já o sindicato sustentou que as paralisações foram deflagradas por um conjunto de trabalhadores da empresa e que sempre priorizou o diálogo com a empresa.
 
''Em um ano em que se prevê uma crise no país, em que se lê publicamente que a Petrobras enfrenta problemas, é fundamental preservar o bem maior do trabalhador que é seu emprego, através do qual ele sustenta sua família'', lembrou o presidente ao chamar as partes para uma negociação.


Geral LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje