Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sábado, 22 de setembro de 2018

Segurança

Agressão à mulher cresce 80% em Feira

29 de janeiro de 2015 | 10h 52
Agressão à mulher cresce 80% em Feira
O número de queixas de violência contra mulher em Feira de Santana, segunda maior cidade da Bahia, aumentou em 80%, se comparado ao mesmo período do ano passado. Só este ano, três mulheres foram assassinadas em crimes passionais no município.
 
Em 2014, 2.621 mulheres registraram queixa de violência doméstica na Delegacia Especial de Atenção à Mulher (DEAM) da cidade. No período, 24 mulheres foram assassinadas e 13 sofreram tentativa de homicídio. Só na primeira quinzena de janeiro deste ano, foram ao todo 50 queixas, enquanto este ano foram 92.
 
Diferente de 2014, cuja maioria das maioria das ocorrências foi somente de ameaças, este ano já foram registradas tentativas de lesões corporais, de homicídio e até assassinato. De acordo com a delegada Clécia Vasconcelos, denunciar os agressores é o meio mais eficaz de evitar que o problema se agrave.
 
"Já houve homicídio, tentativa de homicídios e lesão corporal de natureza grave. Isso nos preocupa, à medida que há esse incremento de ocorrências. Também não sabemos exato qual leitura a ser feita. Se esse número de ocorrências se deve também ao entendimento que as mulheres agora tem da importância da denúncia", afirma a delegada.

FONTE: G1



Segurança LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje