Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, domingo, 18 de novembro de 2018

Valdomiro Silva

Contraste das equipes baianas na disputa das séries A e D do Brasileirão

28 de junho de 2017 | 23h 52
Contraste das equipes  baianas na disputa  das séries  A e D do Brasileirão
Temos um interessante contraste envolvendo as equipes baianas na disputa das séries A e D do Brasileirão. Na primeira divisão, a dupla Ba-Vi está morrendo abraçada. Ambas se encontram na zona de rebaixamento. Enquanto isso, na quarta divisão, Fluminense, Juazeirense e Jacobina estão classificados para primeira fase de mata-mata. Bahia e Vitória se enfrentam domingo no Barradão. Um jogo em que o vencedor pode até não comemorar a saída da situação vexatória, permanecendo entre os quatro piores do certame, mas certamente afundará o perdedor na crise. Não há favoritismo. O Vitória não é surpresa estar onde se encontra. A sua torcida já imaginava o fiasco desde o campeonato estadual, Copa Nordeste e Copa do Brasil. Mas sobre o seu arquirival, o Bahia, se alimentava outra expectativa. Campeão da Copa Nordeste, o tricolor tevemum bom inicio de Série A e eu mesmo cheguei a escrever que, este ano, o time do Fazendão não se preocuparia com rebaixamento. Pelo visto, estávamos todos iludidos. Bastou elevar o grau de dificuldade em uma sequência de quatro ou cinco jogos para a realidade surgir, assustando a grande torcida do Bahia. E, mais uma vez, a dura constatação: nossas duas equipes da elite devem lutar para não cair, em vez de nos brindar com uma campanha digna, ao menos lutando por vaga em Libertadores. Na Série D, temos representantes do estado brigando a essa altura para recuar uma letra no alfabeto e avançar uma divisão. O Fluminense quase se encrencou no último jogo. Empatou as duras penas com o sergipano Itabaiana, em 1x1, no último minuto de jogo. Valeu o ótimo início na fase de grupos, quando venceu os dois primeiros jogos. Enfrentará o Souza, da Paraiba. Fará o segundo jogo em casa, no Joia. É favorito. Não há vantagem de dois resultados iguais. O Juazeirense enfrenta o Campinense, também com o direito de decidir em casa. O Jacobina, diante do Ceilândia de Brasília, terá que fazer o segundo jogo fora de casa. Se os times baianos da série D podem almejar a série C, os da Série A devem mesmo batalhar é para evitar a B.


Valdomiro Silva LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje