Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, quarta, 14 de novembro de 2018

Economia

85%da classe C controlam orçamento, revela pesquisa

29 de janeiro de 2015 | 16h 36
85%da classe C controlam orçamento, revela pesquisa
Uma pesquisa inédita da Boa Vista SCPC em parceria com o programa Finanças Práticas revelou que 85% dos consumidores da classe C entrevistados têm o costume de controlar o quanto ganham e gastam no mês. O levantamento eletrônico realizado com mil consumidores em todo o Brasil buscou mapear a classe C em seus hábitos de consumo e controle das finanças.
 
 
Dentro desse universo da classe C, 79% avaliam o quanto do orçamento já está comprometido até o pagamento da última parcela, antes de efetuarem uma nova dívida, 94% realizam pesquisa de preço antes de uma compra, e 72% levam em consideração se o valor da parcela caberá no orçamento.
 
 
Conscientes em relação às compras, 57% afirmam que as ofertas não influenciam de forma determinante na aquisição de um bem ou produto, além do planejado. Dos respondentes, 67% costumam ler tabloides e folhetos de lojas e supermercados em busca de ofertas, e declaram que a maior parte dos produtos adquiridos é decorrente de promoções, 83% preferem qualidade a preço, e 69% optam por lojas com variedades, mesmo que tenham que se deslocar para isso. “Esses comportamentos revelam que a maioria dos consumidores vem usando as informações e promoções a seu favor, e não consumindo por ímpeto, arriscando o controle de seu orçamento e a sua reputação no crédito”, analisa o presidente da Boa Vista SCPC, Dorival Dourado.
 
 
Na autopercepção sobre os hábitos de consumo, 54% da classe C declaram-se equilibrados, 12% econômicos e 27% consumistas. As mulheres e os consumidores sem filhos são os que se declaram mais consumistas, com 35% e 29% das menções, respectivamente.
 
 
“Os consumidores estão cada dia mais atentos ao seu orçamento e à importância de cultivar hábitos financeiros saudáveis. O programa de educação finaceira da Visa, o Finanças Práticas, vai ao encontro desta necessidade, trazendo conteúdo relevante com uma linguagem simples e direta, e consequetemente ajudando o consumidor a se organizar melhor”, explica Rogério Signorini, diretor sênior de Produtos da Visa do Brasil.
 
 
Para o presidente da Boa Vista SCPC, Dorival Dourado, “a pesquisa revela um amadurecimento do consumidor, preocupado com planejamento e controle dos gastos, o que pode ser um reflexo, entre outras coisas, dos picos de inadimplência registrados em anos anteriores. Assim, o consumidor que nos últimos cinco anos passou a ter mais acesso ao crédito e descontrolou-se, está aprendendo gradativamente que o crédito é bom, se usado com disciplina e controle ”.


Economia LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje