Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, segunda, 24 de setembro de 2018

Valdomiro Silva

Flamengo luta, mas Independiente, melhor, é campeão e mantém time carioca na fila

13 de dezembro de 2017 | 23h 31
Flamengo luta, mas Independiente, melhor, é campeão e mantém time carioca na fila

O Independiente conquistou a Copa Sulamericana empatando com o Flamengo em 1x1, no Maracanã, nesta Mas quarta a noite. Ganhou porque havia vencido o primeiro jogo, na Argentina, por 2x1. 

E acredito que aquele primeiro placar fez a diferença. Tenso, pela necessidade de vencer por dois gols de vantagem, o Flamengo jogou de maneira muito afobada e seu jogo não fluiu. 

Esse é um pecado dos técnicos. O Flamengo abriu o placar. Deveria ter tido mais cautela. Não retranca, mas calma, para não oferecer contra-ataque.

No entanto o time se apressou em buscar o segundo gol, foi imprudente e deu o penalti fatal 10 minutos após abrir a contagem. Um pênalti desnecessário, diga-se. Era uma investida perigosa, mas na lateral da área.


A grande jogada da partida foi de Paquetá, que arrancou do próprio campo, superou marcadores e, caído, bateu para defesa do goleiro argentino. Um gol ali mereceria uma estátua.

O técnico Rueda fez as alterações de sempre, mas não surtiram resultado dessa vez, mesmo com a energia dos garotos Vinícius e Lincoln, ambos com menos de 18 anos.

O Flamengo, em verdade, pagou caro por cair de produção desde as últimas rodadas do Brasileiro. Chegou as finais da Sulamericana sem praticar o melhor futebol exibido ao longo da temporada. Cansado, terminou o jogo praticamente se arrastando em campo. 

Torci pelo Flamengo. Time brasileiro. Se fosse campeão abriria mais uma vaga na Libertadores 2018, que seria do Atlético Mineiro. E também por solidariedade a torcida, que lotou o estádio. 

Torcida, aliás, que gritou "time sem vergonha" ao final. Injustamente. O Flamengo lutou muito.

O Independiente, certamente com um investimento muito inferior ao adversário brasileiro e uma incógnita para muitos nessa decisão, acabou sendo melhor nos dois jogos e mereceu a conquista.

O Flamengo vai ter que continuar na fila dos títulos internacionais, que já dura incríveis 16 anos. E se não ganha aquele jogo contra o Vitória... teria que se contentar com uma pré-Libertadores ano que vem.


 



Valdomiro Silva LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje