Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, domingo, 05 de abril de 2020

Bahia

Prefeitura vai oferecer 210 vagas para acolhimento de usuários de drogas

18 de fevereiro de 2020 | 09h 33
Prefeitura vai oferecer 210 vagas para acolhimento de usuários de drogas

A Prefeitura de Salvador, através da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre), vai oferecer 210 vagas de acolhimento transitório a jovens e adultos, em situação de rua, usuários de substâncias psicoativas. O termo de parceria com quatro instituições de Salvador e cidades próximas foi assinado nesta segunda-feira (17), no Palácio Thomé de Souza, com as presenças do prefeito ACM Neto e da titular da Sempre, Ana Paula Matos, e representantes das quatro entidades selecionadas através de chamamento público municipal.

As unidades que oferecem este tipo de serviço são a Sentimento Novo, em Feira de Santana; Manassés, nas unidades de Cajazeiras, Lauro de Freitas e Feira de Santana; Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (Adra), em Cachoeira; e Desafio Jovem, em Amélia Rodrigues – cada uma delas poderá atender até 35 pessoas. O investimento na iniciativa é de R$8,3 milhões, com recursos próprios, durante um período de dois anos. Os beneficiados serão jovens e adultos dos sexos masculino e feminino, a partir dos 18 anos, e o atendimento será segmentado: uma unidade será voltada apenas para mulheres, duas para jovens e as demais para homens adultos.

O prefeito destacou que a administração municipal tem feito um investimento geral muito grande – são mais de R$65 milhões – nas políticas voltadas para a assistência às pessoas em situação de rua. Dentre elas está o aumento do número de unidades de acolhimento institucional (UAIs), que saltou de dois para 14 unidades desde 2013, e capacitação da população de rua para a reinserção no mercado de trabalho.

“Um dos pontos importantes é esse convênio, porque vamos cuidar de pessoas que têm dependência química, usuários de álcool e drogas, e que estão muito mais vulneráveis. O poder público não tem gente, estrutura e especialização para fazer diretamente esse atendimento, por isso o convênio com essas instituições. Começamos esta etapa com 210 pessoas, mas a ideia é de ter condições de ampliar ainda mais isso. O importante é cuidar de quem mais precisa”, disse ACM Neto.

Dinâmica

Os usuários serão atendidos por equipes multidisciplinares compostas por assistente social, auxiliar de enfermagem, cuidador, educador social e psicólogo.

Nos locais serão ofertados no mínimo três refeições diárias, em quartos coletivos para até seis pessoas, com garantia de salubridade, ventilação e condições de mobilidade, além de disponibilização de kits de higiene pessoal.

Os atendidos farão ainda atividades físicas desportivas, culturais, de profissionalização ou escolarização. A parceria assegura também o encaminhamento imediato ao tratamento, preferencialmente no Centro de Atenção Psicossocial (Caps) de referência ou unidade de saúde especializada.

Para a secretária da Sempre, este é um momento muito importante para a cidade, principalmente pelo intenso esforço municipal em dar visibilidade às pessoas em situação de rua. Ela ainda explicou que a motivação para a realização do convênio ocorreu devido ao fato de que, apesar do aumento do número de unidades de acolhimento institucional em Salvador, essas estruturas não eram suficientes para quem tinha alguma dependência química. No Brasil, um modelo considerado eficiente tem sido, justamente, a de unidades terapêuticas.

“São algumas unidades em Salvador e outras em cidades vizinhas, localizadas em um raio de 300km, justamente pela possibilidade e oportunidade de uma nova vida em um outro lugar. Os assistidos vão ter acesso a uma boa alimentação, estadia e profissionais de qualidade que possibilitem, junto com eles, uma condição de autonomia. O objetivo não é retirar as pessoas das ruas, no sentido de sair de perto. Pelo contrário, é dar a essas pessoas a oportunidade de um sonho de voltar à inserção social”, enfatizou Ana Paula.

FONTE: Varela Notícias



Bahia LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje