Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, quinta, 04 de junho de 2020

Política

Ex-governador de Minas é indiciado por suposto desvio de quase R$ 1 bilhão

22 de maio de 2020 | 15h 58
Ex-governador de Minas é indiciado por suposto desvio de quase R$ 1 bilhão
Foto: José Cruz / Agência Brasil

O ex-governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), foi indiciado pela Polícia Civil pelo crime de peculato, isto é, subtração ou desvio de dinheiro público.

 

Pimentel é acusado de desviar quase R$ 1 bilhão de recursos de empréstimo consignados dos servidores que não eram repassados aos bancos. O ex-secretário de estado da Fazenda José Afonso Bicalho Beltrão da Silva também foi indiciado. Os dois podem pegar até 12 anos de prisão.

 

Procurado pelo G1, Fernando Pimentel afirmou que não comentaria o caso porque não foi oficialmente comunicado sobre o indiciamento.

 

De acordo com o delegado titular da Delegacia de Combate à Corrupção, Gabriel Ciríaco Fonseca, 280 mil servidores tiveram os empréstimos consignados descontados no contracheque, mas os recursos não foram repassados pelo governo do estado, à época em que Pimentel era o governador de Minas, às instituições bancárias.

FONTE: Bahia Notícias



Política LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje