Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, terça, 25 de setembro de 2018

César Oliveira

Vergonha presidencial

02 de março de 2015 | 08h 03
Vergonha presidencial

A ameaça de Lula de colocar "o exército de Stédile”, chefe do MST, nas ruas, para o PT não perder o poder é mesquinha, indigna de um ex-presidente, mas compatível com o real tamanho e caráter de Lula.

 

 Vergonha II

A Câmara Federal aprovou uma moção de repúdio ao ditador da Venezuela, Nicolas Maduro. A moção não foi aprovada pelo PT, PCdoB e PSOL.  Aqui, usufruem da democracia. Lá fora apoiam ditaduras. Trazem na alma a vocação totalitária, o horror à liberdade, o apego à máquina pública. Sonham em ver instaurado aqui o que apoiam lá. Não merece respeito nem voto quem não defende a liberdade.

 

Vergonha III

A linha amarela do metrô de São Paulo, de 13 km, foi iniciada em 2004 e deveria ter ficado pronta em 2009. Agora se revelou que as obras estão paradas há anos, e Alckmin quer rescindir o contrato com as empreiteiras. Pra comparação, de 2007 até 2014, Xangai, na China, fez 466 quilômetros, totalizando 567 quilômetros de metrô, 7 vezes e meia mais que São Paulo. Cabe perguntar quem fiscalizava as obras, como os recursos eram liberados, como uma obra pode ficar anos parada, sem um governo saber? A incompetência de Alckmin seguramente é maior que a muralha da China.

 

Vergonha IV

A manutenção de Mario Negromonte como membro do Tribunal de Contas do Estado.



César Oliveira LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje