Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, segunda, 30 de março de 2020

Cultura

Exposição sobre Santo Sudário vai até dia 03 de maio no Boulevard

25 de março de 2015 | 11h 18
Exposição sobre Santo Sudário vai até dia 03 de maio no Boulevard

Pensando em promover uma experiência inesquecível para a população de Feira e região, o Boulevard Shopping abre ao público no próximo dia 26de março a Exposição Internacional “Quem é o Homem do Sudário?”. A produção ficará no Estacionamento G1 do Boulevard até o dia 03 de maio e a entrada é 1Kg de alimento não perecível.

O Santo Sudário é um pano de linho que foi utilizado para envolver o corpo de Jesus Cristo após sua crucificação, deixando marcas que vêm se acentuando com o passar dos anos. Muitos estudiosos e cientistas analisam o caso para provar a veracidade do objeto, mas não há um consenso sobre os resultados. O Santo Sudário original está exposto na Catedral de São João Batista, em Turim, na Itália.

Neste período de quaresma, onde os cristãos aproveitam para refletir sobre a fé, a Exposição do Santo Sudário chega à Feira de Santana como um projeto que vai permitir aos cristãos e simpatizantes conhecer um pouco mais da história deste símbolo religioso. São mais de 30 painéis de uma réplica da exposição originalmente vista em Israel. Além disso, um estudo com mais de 40 cientistas de diversas áreas como física, geologia, arqueologia, entre outros.

Dividida em cinco fases, a exposição conta com a réplica de flagelos, das moedas colocadas sobre os olhos do Homem do Sudário, coroa de espinhos e pregos, produzidos em Israel, como os que foram utilizados na crucificação. Os visitantes também podem conferir um holograma que reproduz em 3D a imagem sindônica feita pelo cientista holandês Petrus Soons. A mostra conta também com vídeos que explicam fases da exposição e traz ainda, um facsímile do lençol, produzido em Turim, catedral da Itália onde o seu original fica permanentemente exposto. Para finalizar, uma estátua de bronze, em tamanho real, que reproduz a posição exata em que o Homem do Sudário foi envolto pelo lençol, feita também na Itália.

Segundo o responsável pela exposição e estudioso sobre o Sudário, Padre Alexandre Paciolli, a mostra traz uma série de revelações que a ciência tem estudado a fundo e que envolveram mais de 40 cientistas em todo o mundo em quase 200 horas de trabalho de pesquisas sobre o lençol fúnebre. “Química, física, numismática, biologia... Quantas áreas nos levam a percorrer o passo a passo desse grande estudo, que possui representatividade no mundo. Para mim, o sudário de Turim é um grande desafio à ciência e nos ajuda a crescer em muitos campos culturais”, diz o Padre Alexandre.

A exposição do Santo Sudário promete encantar o público e intrigar com sua amplitude de informações e conhecimento histórico. Não deixe de viver esta experiência arrebatadora.



Cultura LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje